Últimas Notícias

Polícia Ambiental apreende 250 quilos de pirarucu em Porto Velho

Na manhã desta quarta-feira (10) a Polícia Ambiental apreendeu 250 quilos de pirarucu, no terminal pesqueiro do Cai N’água, em Porto Velho. O pescado não possuía nota fiscal nem tamanho mínimo permitido para captura; 1,08 metros, informou a polícia.

Atrav√©s de den√ļncia an√īnima, a pol√≠cia chegou ao terminal pesqueiro, onde estava a carga de pirarucu, vinda do munic√≠pio de L√°brea, AM. No local, foi constatada a irregularidade do pescado, que n√£o possu√≠a nota fiscal, estava abaixo do tamanho m√≠nimo permitido e n√£o tinha origem informada. ‚ÄúO peixe foi transportado em caixas, escondido embaixo de outros pescados de pacu‚ÄĚ, relatou o sargento da Pol√≠cia Ambiental, Aparecido da Silva, que atendeu a ocorr√™ncia.

A pol√≠cia acredita ainda que os peixes estavam encomendados para restaurantes da capital. ‚ÄúA carga j√° estava toda limpa e separada em mantas, pronta para o transporte‚ÄĚ, disse o sargento. O dono do pescado n√£o foi encontrado no local.

As investiga√ß√Ķes para descobrir a origem e o respons√°vel pelo pescado continuar√£o sob o comando da Pol√≠cia Civil. Ainda de acordo com os policiais, a multa m√≠nima para a pesca e com√©rcio ilegal de pirarucu fora de cativeiro √© de R$ 5 mil, e o respons√°vel sofre ainda san√ß√Ķes criminal, c√≠vel e administrativa.

A pesca apreendida foi doada ao Hospital Escola Santa Marcelina, em Porto Velho.

http://g1.globo.com


Estimulamos o debate amistoso. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Pesca Amadora. Mensagens consideradas ofensivas serão excluidas automaticamente. Dúvidas e perguntas acesse a página de contato