Últimas Notícias

Motorista fura barreira em MT, foge e PM acha 182 kg de peixe em carro

pescado2fuga Mais de 180 quilos de pescado irregular foram apreendidos na noite desta segunda-feira (18) na regi√£o do Aric√°, em Santo Ant√īnio do Leverger, a 35 quil√īmetros de Cuiab√°. A Pol√≠cia Ambiental de Cuiab√° recebeu a den√ļncia de que um homem estaria transportando o pescado e iria levar para a capital. O suspeito foi abordado em uma zona rural, no entanto, furou a barreira policial e conseguiu fugir.

As informa√ß√Ķes da den√ļncia s√£o de que o suspeito teria adquirido o pescado em Bar√£o de Melga√ßo, a 121km da capital, e fazia o papel de ‘atravessador’. Fiscais da Secretaria de Meio Ambiente e Pol√≠cia Ambiental fizeram uma barreira na estrada ap√≥s identificar que o suspeito passaria pelo local em um carro alugado.

‚ÄúEle n√£o obedeceu a ordem de parada quando viu nossa equipe e ainda tentou jogar o ve√≠culo pra cima de n√≥s. Tivemos que disparar no pneu traseiro do ve√≠culo‚ÄĚ, disse ao G1 o sargento da PM Ambiental da capital, Hugo Santana Rodrigues.

pescado2fuga2Em seguida, o carro rodou na pista, o suspeito saiu do ve√≠culo e correu em dire√ß√£o ao matagal da regi√£o. ‚ÄúEncontramos 182 quilos de pescado das esp√©cies cachara e pintado, todos sem cabe√ßa‚ÄĚ, completou o sargento.

Ainda conforme a PM, o suspeito não foi localizado na região, porém, ele já foi identificado pela polícia, já que dentro do carro os fiscais encontraram o contrato de locação do veículo feito no nome dele com uma empresa de Cuiabá.

‚ÄúH√° tr√™s meses esse homem j√° foi preso com mais de 600 quilos de pescado irregular, sempre usando carros alugados. Na √©poca ele pagou fian√ßa e foi liberado‚ÄĚ, disse. O pescado e o ve√≠culo foram encaminhados para a Delegacia de Meio Ambiente, no Bairro Carumb√©, onde v√£o passar por per√≠cia. Os peixes ser√£o doados a entidades filantr√≥picas da capital.

Piracema
O per√≠odo de defeso da piracema come√ßou em Mato Grosso no dia 1¬ļ de novembro nos rios da bacia hidrogr√°fica do Araguaia e no dia cinco de novembro, nos rios das bacias hidrogr√°ficas do Paraguai e Amazonas. Nesse per√≠odo, que vai at√© 28 de fevereiro de 2013, fica proibida a pesca no estado, inclusive, na modalidade pesque e solte.

Para os infratores que forem flagrados desrespeitando o período de defeso da piracema, as penalidades previstas vão desde multa até a detenção. A multa para quem for pego sem a Declaração de Estoque de Pescado ou praticando a pesca depredatória está definida na Lei 9096, e varia de R$ 1 mil a R$ 100 mil.

http://g1.globo.com


Estimulamos o debate suadável. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Pesca Amadora. Mensagens consideradas ofensivas serão excluidas automaticamente. Dúvidas e perguntas acesse a página de contato