Últimas Notícias

PM ambiental realiza diversas apreensões durante Operação Verão na região de Maringá

A Companhia de Polícia Militar Ambiental de Maringá efetuou diversas apreensões e vem intensificando o combate a crimes ambientais desde 16 de dezembro de 2012, dentro das ações da Operação Verão na Região Noroeste do Paraná.

Segundo o capitão da PM Ambiental, Luciano José Buski, os resultados são ótimos e refletem a dedicação dos oficiais e praças que prestam serviços na polícia ambiental, na região (Maringá, Umuarama – a 172 km de Maringá; Campo Mourão – a 92 km de Maringá; e Paranavaí – a 77 km de Maringá).

Até esta terça-feira (5), foram apreendidos:

  • 26 armas apreendidas;
  • 90 pássaros apreendidos que estavam em cativeiro;
  • 50 galos usados para rinha;
  • 08 cobras;
  • Um macaco que se encontrava preso na coleira em cativeiro;
  • 332 molinetes usados para pesca;
  • 25 carretilhas e 8 tarrafas;
  • 273 varas de pescar;
  • 2490 rolos de linha;
  • 1000 geradores;
  • 171 caixas de anzóis;
  • 713 cartelas de anzóis;
  • 24 rolos de cabo de aço;
  • 83 quilos de peixe apreendidos;
  • mais de 3000 pacotes de cigarro contrabandeados do Paraguai;
  • Uma lancha apreendida em poder de infratores;
  • 3000 metros de redes;
  • Um caminhão utilizado para o transporte de materiais de pesca predatória.

Ainda durante a Operação Verão, foram presas e conduzidas a autoridade competente inúmeras pessoas, principalmente por caça e pesca, as quais vão responder os processos legais. Ainda conforme o capitão Buski, as ações repressivas são necessárias para que os infratores recebam sanções legais, principalmente no que se refere a caça e pesca predatórias.

“Temos um policial que diuturnamente recebe ligações através dos telefones (44) 3901-19-36 e 3227-43-56, exaurindo dúvidas e mesmo recebendo denúncias. A própria comunidade nos auxilia no cumprimento de nossas missões”.

De acordo com o capitão, também são realizadas ações educativas a fim de prevenir crimes ambientais: ” Temos o projeto guardiões da natureza, onde as crianças aprendem desde cedo a respeitar o meio ambiente e as pessoas, neste projeto um policial militar realiza palestras nas escolas, conscientizando os alunos e indiretamente a seus pais. Afinal, a natureza também pertence a nosso filhos”, explica.

http://maringa.odiario.com


Estimulamos o debate suadável. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Pesca Amadora. Mensagens consideradas ofensivas serão excluidas automaticamente. Dúvidas e perguntas acesse a página de contato