Últimas Notícias

Engenheiro pesca molusco raríssimo, mas só toma consciência da descoberta após comer o animal

engenheiro-pesca-molusco-raro-6-tentaculosO engenheiro mec√Ęnico Labros Hydras, de 49 anos, mergulhava com os dois filhos no Mar mediterr√Ęneo, na pen√≠nsula de Pelion, na Gr√©cia, quando pescou um polvo. Seguindo uma tradi√ß√£o culin√°ria local, ele esmagou o animal contra uma pedra antes de frit√°-lo e com√™-lo com lim√£o. O que o homem n√£o sabia √© que o molusco era o segundo descoberto oficialmente no mundo com apenas seis tent√°culos (a esp√©cie tem, por via de regra, oito membros).

Hydras descobriu que o polvo n√£o era um exemplar comum por acaso: ap√≥s o mergulho, o animal foi levado a um restaurante perto da praia, para que fosse frito. Atento, o respons√°vel pela cozinha recusou o pedido e advertiu sobre o n√ļmero de tent√°culos. Por√©m, naquele momento, o engenheiro n√£o deu import√Ęncia √† constata√ß√£o e acabou preparando e comendo a criatura em outro lugar. S√≥ depois ele acessou a internet e tomou consci√™ncia da raridade do molusco.

Chocado, Hydras ainda consultou um amigo bi√≥logo, que confirmou a raridade do animal. O engenheiro, que nasceu na Gr√©cia e mudou-se para os Estados Unidos, justificou-se dizendo que pescar e fritar polvos √© uma pr√°tica comum na regi√£o e que simplesmente n√£o prestou aten√ß√£o nos tent√°culos do animal. Quanto ao aviso do chef de cozinha, o homem alega que j√° havia matado o molusco e que n√£o havia internet nas imedia√ß√Ķes da praia, o que teria impedido a confirma√ß√£o da informa√ß√£o.

Hydras afirma estar arrependido e disse que irá colaborar como puder para a realização de pesquisas científicas sobre o animal. Ele chegou a enviar fotos do polvo para o Centro de Investigação Marinha da Grécia, onde estudiosos afirmaram que o molusco não pertenceria a uma nova espécie: a quantidade reduzida de tentáculos seria resultado de uma anomalia genética.

SEGUNDO NO MUNDO O primeiro e at√© ent√£o √ļnico polvo de seis tent√°culos j√° registrado no mundo foi descoberto em 2008, na costa do Pa√≠s de Gales, no Reino Unido. O animal foi levado para o Centro de Vida Marinha de Blackpool, na Inglaterra, onde recebeu o nome de Henry, em homenagem a um antigo rei do pa√≠s, que teve seis esposas.

http://www.em.com.br


Estimulamos o debate suadável. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Pesca Amadora. Mensagens consideradas ofensivas serão excluidas automaticamente. Dúvidas e perguntas acesse a página de contato