Últimas Notícias

60 kg de lagosta são apreendidas na praia de Mundaú-CE

Apreensao de 60kg de lagosta em mandau-ceSessenta kg de lagosta pescada de forma irregular e 14 mil metros de rede caçoeira foram apreendidos pelo Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), no último sábado, 9, na praia de Mundaú, em Trairi, 124 km de Fortaleza. A lagosta foi doada para os hospitais da região.

De acordo com o chefe de fiscalização e proteção ambiental do Ibama, Rolfran Cacho, a rede caçoeira é proibida para pesca (somente a pesca com a cangalha ou coco é permitida). O Ibama chegou na praia do Mundaú após denúncias. Quando viram o barco do órgão os pescadores fugiram . “Vamos identificá-los, eles saíram da área, muito próximo da costa, a cerca de 4 milhas. A pesca é proibida pescar até quatro milhas”, relata.

Segundo Rolfran, quando dezembro se aproxima, período de defeso da lagosta (quando é proibida a pesca dos crustáceos), ‘‘começa a correria pra pescar de qualquer jeito”. O defeso permite a pesca seis meses e proíbe seis. Neste período, de 1° de dezembro até 30 de maio, os pescadores tem direito ao seguro defeso, concedido pelo ministério da pesca.

Em 2013, foram apreendidos 2 mil quilos de lagosta e 150 mil metros de redes, em todo o litoral cearense, além de cinco barcos com compressor.

Operação
O Ibama está em operação marítima todos os meses, durante dez dias, devido a quantidade de irregularidades. O instituto tem em seu poder 15 embarcações que estavam fazendo pesca predatória. Os pescadores que realizam a pesca irregular são levados para a Polícia Federal pra fazer TCO e recebem multa de acordo com o material apreendido.

Segundo Rolfran, o trabalho será reforçado no próximo ano em portos e aeroportos.

http://www.opovo.com.br


Estimulamos o debate amistoso. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Pesca Amadora. Mensagens consideradas ofensivas serão excluidas automaticamente. Dúvidas e perguntas acesse a página de contato