Últimas Notícias

PMA divulga balanço da operação Pré-Piracema no MS

pma-msEncerrou-se nesta quarta-feira (06) a operação Pré-Piracema da PMA (Policia Militar Ambiental) com 29 pessoas autuadas e R$101.558,00 em multas. A operação envolveu 300 policiais e englobou a Operação “Dia de Finados”, que era realizada todos os anos com início no dia 30 de outubro e se estendia até 3 de novembro.

Durante os dez dias da operação foram autuadas 29 pessoas e empresas, sendo 21 por pesca, uma por transporte ilegal de madeira, três por transporte ilegal de combustíveis, três por degradação de áreas de preservação permanente – APP (mata ciliar e várzea), além de um por maus-tratos a animais (rinha de galo). Por atividade não inerente a crime ambiental, também foi presa uma pessoa por tráfico de drogas.

Dos autuados por pesca, 17 foram presos por crime de pesca predatória e cinco foram autuados por pescar sem licença, que não é crime, porém, infração administrativa. Foram apreendidos 351 kg de pescado e foi aplicado um total de R$101.558,00 em multas.

A PMA considera ainda o número muito grande de pessoas presas por pesca predatória, indicando que é preciso melhorar a sensibilização ambiental. No entanto o policiamento está prendendo os infratores no início da prática de pesca predatória, não permitindo que se capturem grandes quantidades de pescado. Além disso, a manutenção dos policiais nos rios tem o poder de dissuadir alguns inescrupulosos de praticarem atos ilegais.

Ressalta-se que o objetivo da fiscalização é prevenir a pesca predatória, pois o trabalho da PMA é preventivo.


Estimulamos o debate amistoso. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Pesca Amadora. Mensagens consideradas ofensivas serão excluidas automaticamente. Dúvidas e perguntas acesse a página de contato