Últimas Notícias

Polícia Ambiental prende pescadores e apreende material de caça e pesca

Na embarcação, policiais encontraram 1 kg de peixe nativo (Foto: Polícia Ambiental / Divulgação)Três pescadores foram presos no Rio Jaracatiá, um dos afluentes do Rio Iguaçu, no sudoeste do Paraná, na tarde de domingo (3), em um barco no reservatório da hidrelétrica de Salto Caxias. Na embarcação estavam 1 kg de peixe nativo e 350 metros de rede, práticas ilegais durante o período de defeso da piracema, que teve início no dia 1º de novembro. A pena para este tipo de crime varia de um a três anos de detenção mais multa. Os suspeitos foram levados para a delegacia de Salto do Lontra, onde devem permanecer até o pagamento da fiança determinada pelo delegado.

Ainda no domingo, desta vez em Serranópolis do Iguaçu, no oeste do Paraná, policiais cumpriram um bandado de busca e apreensão em uma casa próxima à antiga entrada da Estrada do Colono, via de cerca de 17 Km que corta o Parque Nacional do Iguaçu. As denúncias apontam que o dono da residência caça na unidade de conservação e vende a carne dos animais abatidos na região.

De acordo com os policiais, o suspeito vinha sendo investigado havia três meses. No local, foram apreendidas quatro armas próprias para caça, 48 cartuchos de munição de vários calibres, pólvora e três quilos de carne de caça em um freezer. No momento do cumprimento do mandado, apenas o filho do proprietário estava na casa e acabou sendo levado para a delegacia, onde foi lavrado o flagrante por crime ambiental e posse ilegal de arma.

http://g1.globo.com


Estimulamos o debate amistoso. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Pesca Amadora. Mensagens consideradas ofensivas serão excluidas automaticamente. Dúvidas e perguntas acesse a página de contato