Últimas Notícias

Reservatório do Lago de Peixoto vai baixar 13 metros em MG

Cenario do Rio Grande ira mudarUma decisão do Governo Federal começará a mudar, dentro de 16 dias, um dos cenários turísticos mais apreciados entre por turistas de Franca e mineiros da região. Por determinação do ONS (Operador Nacional de Energia Elétrica), a represa do rio Grande em Delfinópolis (MG) terá seu nível reduzido em até 13 metros ao longo dos próximos meses. O comunicado foi feito por Furnas à Prefeitura de Delfinópolis e pediu que o município providencie medidas a fim de evitar transtornos para a população.

O nível do reservatório Mascarenhas de Moraes, conhecido como Lago de Peixoto, que também banham os municípios de Cássia, Ibiraci e São João Batista do Glória irá secar. A notícia surpreendeu e preocupou a região. Diante da situação, prefeitos e vereadores estão sendo mobilizados para impedir a ação ou ao menos diminuir os impactos irreversíveis para os municípios em torno do Lago.

Ranchos as margens do rio Grande em Cassia-MGFuncion√°rios de Furnas confirmaram que a baixa no n√≠vel da √°gua ser√° percept√≠vel e afetar√° principalmente os bicos da represa, tamb√©m conhecidos como bra√ßos. De acordo com um dos gerentes da empresa, ranchos localizados nessas regi√Ķes ficar√£o secos e at√© a travessia da balsa ser√° prejudicada. Haver√° tamb√©m interfer√™ncia na irriga√ß√£o de produ√ß√Ķes agr√≠colas, na navega√ß√£o e no meio ambiente (leia texto nesta p√°gina). ‚ÄúO rebaixamento ser√° controlado, mas se come√ßar a chover novamente, vamos soltar a √°gua at√© atingir o n√≠vel mais est√°vel‚ÄĚ, tranquilizou o funcion√°rio, que n√£o grava entrevista.

Segundo Furnas, o nível da represa poderá ser reduzido da cota máxima de 666,12 metros em relação ao nível do mar para a cota mínima de 653,12 metros. O rebaixamento do nível da água, ainda de acordo com o documento enviado para a Prefeitura, ocorre em razão da estiagem e tem por objetivo ajudar na recuperação do reservatório de Furnas, que está com apenas 28% de sua capacidade. A operação visa ainda a manter o fornecimento de energia elétrica para o período da Copa do Mundo.

Balsa de Delfinopolis-MGEm nota, a empresa disse que a medida √© inevit√°vel e as redu√ß√Ķes ocorrer√£o dentro dos n√≠veis de projeto. ‚ÄúDelfin√≥polis sentir√°, pois n√£o est√° acostumada com essas oscila√ß√Ķes, mas tudo ocorrer√° dentro das condi√ß√Ķes de projeto‚ÄĚ, explicou o gerente. Ele tamb√©m confirmou que Furnas ficar√° respons√°vel pela constru√ß√£o de um novo porto para a cidade, j√° que a travessia se tornar√° menor em √°gua e maior em terra. ‚ÄúPor conta dessa medida, teremos que desviar a estrada e o porto aproximar√° em 800 metros ( uma margem da outra).‚ÄĚ

Segundo Furnas, a Usina Marechal Mascarenhas de Moraes tem uma √°rea inundada de 250 quil√īmetros quadrados, que tamb√©m envolve outros munic√≠pios mineiros como Ibiraci, C√°ssia e S√£o Jo√£o Batista do Gl√≥ria.

De acordo com publica√ß√£o do jornal O Estado de S.Paulo de quarta-feira, 30, a redu√ß√£o da vaz√£o de √°gua tamb√©m ocorrer√° em outras hidrel√©tricas do Pa√≠s para proteger o estoque de √°gua das cabeceiras dos rios e a decis√£o s√≥ depende de autoriza√ß√£o da ANA (Ag√™ncia Nacional de √Āgua) e do Ibama (Instituto Brasileiro de Meio Ambiente).


Estimulamos o debate suadável. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Pesca Amadora. Mensagens consideradas ofensivas serão excluidas automaticamente. Dúvidas e perguntas acesse a página de contato