Últimas Notícias

Nível da represa de Nova Ponte afeta pesca e turismo em Minas Gerais

Represa de Nova PonteO n√≠vel da represa de Nova Ponte, que abrange as regi√Ķes do Tri√Ęngulo Mineiro e Alto Parana√≠ba, √© um dos piores j√° registrados desde 1994. Segundo dados do Operador Nacional do Sistema El√©trico, o volume de √°gua atualmente √© de 21%. A situa√ß√£o preocupa, principalmente quem aposta na pisicultura no local.

Para pisicultor Helio de √Āvila, caso o n√≠vel continue abaixando, n√£o vai ser poss√≠vel criar peixes. ‚ÄúSe continuar abaixando deste jeito, vamos ter que parar. N√£o vamos ter locais para colocarmos gaiola para criarmos peixes‚ÄĚ, afirmou.

Na regi√£o choveu menos da metade do esperado para esta √©poca do ano. Segundo o Operador Nacional do Sistema, em janeiro, o volume √ļtil estava em 34% e caiu para 21% em agosto. Nos √ļltimos dois meses, a queda foi de 7%. Reginaldo Costa e Silva √© coordenador de uma ONG e afirma que a perca √© grande para o meio ambiente e para os criadores de gado na regi√£o. ‚ÄúO meio ambiente perde muito, principalmente com a quest√£o das nascentes, e os produtores perdem ainda mais, pois a √°gua oscila, o gado atola quando vai beber √°gua e n√£o h√° como fazer cerca para impedir a passagem desse gado‚ÄĚ, explicou.

Segundo os moradores da regi√£o, o n√≠vel da represa vem caindo de forma preocupante nos √ļltimos cinco anos. Em pontos onde havia √°gua, hoje tem cascalho e galhos seco. Na regi√£o ainda funciona o clube, onde os funcion√°rios afirmam que o n√≠vel da √°gua desceu 60 cm. A situa√ß√£o tem gerado decep√ß√£o de turistas que v√£o ao local. Ant√īnio Jos√© Gondim, morador de Pedrin√≥polis, espera que a situa√ß√£o melhore. ‚Äú√Č muito triste. Parece que a √°gua est√° desaparecendo. Tomara que venha a chuva para melhorar o turismo na regi√£o‚ÄĚ, afirmou.


Estimulamos o debate suadável. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Pesca Amadora. Mensagens consideradas ofensivas serão excluidas automaticamente. Dúvidas e perguntas acesse a página de contato