Últimas Notícias

Secretário do Meio Ambiente de Arceburgo-MG é preso suspeito de caçar capivaras

Carne de capivara apreendida em Arceburgo-MGTrês homens foram presos, entre eles o secretário de Meio Ambiente de Arceburgo (MG), João Carlos de Souza Dias, durante uma operação da Polícia Militar Ambiental contra a caça ilegal na cidade, no dia (4) desse mês. Segundo a polícia, na propriedade do secretário foram encontrados uma espingarda, algumas munições e cinco quilos de carne de capivara.

Ainda de acordo com a polícia, o secretário alegou que as capivaras foram abatidas por cachorros e que ele só aproveitou a carne delas. Assim como os outros dois detidos, ele pagou fiança e foi liberado da Delegacia de Monte Santo de Minas (MG). O secretário deverá responder por crime contra o meio ambiente e posse ilegal de armas. Já os outros dois envolvidos deverão responder apenas por posse ilegal de armas.

armas apreendidas em Arceburgo-MGO secretário foi procurado, mas não foi encontrado para falar sobre o caso. O prefeito de Arceburgo, Antônio Gregório Militão, informou que já tomou conhecimento da ocorrência, mas que aguarda maiores informações para avaliar quais providências serão tomadas. A “Operação Pró-Fauna” apreendeu ao todo sete armas de fogo e cerca de 200 munições de diversos calibres.

O que mais intriga quando surgem fatos como esses, é como pessoas despreparadas e sem conhecimento da importância e necessidade de se colocar um profissional da área e que entenda do assunto, nomeiam qualquer um para um cargo de extrema importância ainda mais em uma região do país onde o descaso com a preservação é constante. A pergunta que fica é como uma pessoa que deveria estar cuidando da preservação, usa o cargo para fazer exatamente o contrário?! Plano de carreira já para cargos onde se colocam pessoas sem nenhum conhecimento ou interesse no assunto.


Estimulamos o debate suadável. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Pesca Amadora. Mensagens consideradas ofensivas serão excluidas automaticamente. Dúvidas e perguntas acesse a página de contato