Últimas Notícias

Codevasf traz de volta matrinxã às águas do Baixo São Francisco

peixamento realizado pela codevasf em Penedo-ALA matrinx√£, uma esp√©cie de peixe nativa da bacia hidrogr√°fica do ‚ÄúVelho Chico‚ÄĚ h√° d√©cadas desaparecida no Baixo S√£o Francisco, voltou a ser capturada na regi√£o ap√≥s tr√™s anos seguidos de peixamentos realizados pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do S√£o Francisco e do Parna√≠ba (Codevasf).

√Č o que aponta o monitoramento de esp√©cies de peixes executado por t√©cnicos do Centro Integrado de Recursos Pesqueiros e Aquicultura de Iti√ļba no trecho entre os munic√≠pios de Porto Real do Col√©gio, em Alagoas, e Propri√°, em Sergipe. A boa not√≠cia tamb√©m j√° √© de conhecimento de pescadores da regi√£o.

Segundo o engenheiro qu√≠mico Marcos Vin√≠cius Teles, que coordena a equipe do projeto da Codevasf de monitoramento de esp√©cies de peixes no Baixo S√£o Francisco, para iniciar o trabalho de repovoamento com a matrinx√£ foi necess√°rio importar a esp√©cie de outras regi√Ķes da Bacia Hidrogr√°fica do S√£o Francisco.

acao codevasf em pesca e aquicultura‚ÄúCom o barramento do rio S√£o Francisco, as esp√©cies de piracemas s√£o as primeiras a desaparecer e a matrinx√£ est√° entre essas esp√©cies. Como aqui no Baixo S√£o Francisco n√£o havia mais a esp√©cie, tivemos que trazer dos centros integrados de recursos pesqueiros e aquicultura da Codevasf em Xique-Xique (BA) e de Tr√™s Marias (MG) as matrizes que seriam utilizadas na produ√ß√£o dos alevinos utilizados nos peixamentos no rio S√£o Francisco‚ÄĚ, contou Teles.

Ele completa que desde o in√≠cio dos trabalhos de monitoramento em 2009, n√£o havia ocorrido a captura de nenhum exemplar da matrinx√£ e que o retorno da esp√©cie √†s √°guas do Baixo S√£o Francisco representa uma satisfa√ß√£o para a equipe da Codevasf que trabalha para o repovoamento do ‚ÄúVelho Chico‚ÄĚ. ‚ÄúNosso foco e nossa satisfa√ß√£o √© ver a manuten√ß√£o da biodiversidade e dos recursos pesqueiros. A recomposi√ß√£o da ictiofauna √© muito importante n√£o somente para o meio ambiente, mas tamb√©m para a popula√ß√£o ribeirinha e pescadores‚ÄĚ, comentou.

MatrinxaPara o chefe do Centro Integrado de Recursos Pesqueiros e Aquicultura de Iti√ļba, o engenheiro de pesca √Ālvaro Vasconcelos, o retorno da matrinx√£ ao Baixo S√£o Francisco indica que a Codevasf est√° no caminho certo no trabalho de revitaliza√ß√£o.

‚ÄúH√° uma grande expectativa gerada quanto aos resultados dos peixamentos da Codevasf no rio S√£o Francisco. Com esses resultados do estudo de monitoramento, a Codevasf, por meio dos seus centros integrados de recursos pesqueiros e aquicultura, cumpre seu papel no repovoamento da bacia hidrogr√°fica, contribuindo com a revitaliza√ß√£o do rio S√£o Francisco‚ÄĚ, declarou Albuquerque.

Matrinx√£
A matrinx√£, cujo nome cient√≠fico √© Brycon orthotaenia, √© uma esp√©cie de peixe nativa da bacia hidrogr√°fica do rio S√£o Francisco, que, atualmente, encontra-se amea√ßada de extin√ß√£o. Para se reproduzir, a esp√©cie necessita realizar grandes migra√ß√Ķes como est√≠mulo natural √† ovula√ß√£o. No entanto, devido aos barramentos ao longo do rio S√£o Francisco, a esp√©cie n√£o consegue mais realizar a piracema no Baixo S√£o Francisco e praticamente desapareceu da regi√£o.


Deixe o seu Comentário - Dúvidas e perguntas envie um email para contato@pescamadora.com.br