Últimas Notícias

Crime contra onça preta morta a pauladas segue sem punição após um ano

Onca preta no BrasilNo início de maio de 2015, circulou em várias redes sociais um vídeo onde um grupo de pessoas que passavam de barco, matou a pauladas uma onça preta que tentava atravessar um rio. Na época, uma grande mobilização para identificar os agressores, inclusive com o apelo em um vídeo feito por Reginaldo Sucuri que ofereceu recompensa para quem tivesse informações sobre o crime, mas mesmo com todo o esforço, nada ainda foi feito.

O apresentado “Ratinho”, chegou a fazer um apelo em rede nacional em seu programa no SBT, várias mídias como o jornal o extra também publicaram a agressão em seus veículos, mas de nada adiantou.

Assim que as imagens da agressão começaram a ser compartilhadas, o Ibama abriu um protocolo de nº 5373/2015 que foi encaminhado à Coordenação Geral de Fiscalização Ambiental do Ibama – CGFIS a fim de investigar a ação dos agressores.

Assista o vídeo e relembre o caso – IMAGENS FORTES

Dias depois, o operador de turismo Reginaldo Sucuri, protocolou uma denúncia na Policia Federal da cidade de Dourados-MS sob protocolo de n° 08.337.001738/2015-99 DPF/DRF/MS com informações colhidas através de denúncias feitas por pessoas que teriam identificado alguns envolvidos na agressão.

O caso foi encaminhado para investigação no estado do Pará, onde teria ocorrido o crime, mas caiu no esquecimento por motivos ainda desconhecido.

A morosidade na identificação dos agressores mostra que a impunidade no Brasil ainda é grave e que em casos de crimes ambientais, pouco é feito no sentido de se cumprir a lei e punir com rigor pessoas que não se intimidam e debocham da falta de ação policial.


Estimulamos o debate suadável. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Pesca Amadora. Mensagens consideradas ofensivas serão excluidas automaticamente. Dúvidas e perguntas acesse a página de contato