Últimas Notícias

Toneladas de peixes mortos são recolhidos na Lagoa Juara na Serra-ES

toneladas-de-peixes-mortos-sao-recolhidos-na-lagoa-juara-em-serra-esToneladas de peixes mortos foram recolhidos da lagoa Juara, em Jacaraípe, na Serra, entre esta terça (20) e quarta-feira (21). A prefeitura da Serra (ES) disse que a causa das mortes pode ser a baixa oxigenação da água, devido à falta de chuvas.

Fotos enviadas pelo Instituto Brasileiro de Fauna e Flora (IBRAFF) mostram milhares de peixes mortos na beira da lagoa e sendo colocados na caçamba de um caminhão.

Um representante da associação, Carlos Roberto Marçal, contou que essa não é a primeira vez que uma grande quantidade de peixes mortos aparece no local. “É recorrente, é até normal. Em 2013 foram recolhidas 37 toneladas de peixes”, disse.

Ele contou que foi constatada pela Associação a falta de oxigênio na água, mas o fator que levou a essa falta ainda é uma especulação. “Dois afluentes deságuam na lagoa, e eles são muito poluídos com esgoto. Isso pode ser a causa, mas ainda não temos certeza”, explicou.

Ainda de acordo com ele, 28 pescadores são associados e dependem da pesca na lagoa para sobreviver. “Eles vão passar por um momento em que não terão peixes para tirar, para comercializar”.

Prefeitura
A Prefeitura da Serra informou que está acompanhando e prestando assistência à Associação de Pescadores da região. O fato está sendo apurado e pode ter sido gerado por baixa oxigenação na água, devido a falta de chuva.

Ainda de acordo com a Prefeitura, cerca de duas toneladas de peixes foram retirados e não é recomendável o consumo de peixes recolhidos nesta situação.

Nota Iema
Em nota, a Gerência de Fiscalização (GFI), do Instituto Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Iema), disse que foi informada pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente Ambiente (Semma) da Serra que o órgão já tinha estado no local e, junto com a Secretaria Municipal de Agricultura, Agroturismo, Aquicultura e Pesca (Seap) da Serra está estudando o ocorrido.

Mesmo assim, o Iema informou que vai monitorar as ações que estão sendo adotadas pelo município.

Portal G1 – Globo.com


Deixe o seu Comentário - Dúvidas e perguntas envie um email para contato@pescamadora.com.br