Últimas Notícias

Projeto busca compreender melhor a pesca artesanal praticada no Rio Araguaia em TO

Integrantes do projeto sobre pesca artesanal no Rio Araguaia, estiveram em Caseara, Oeste do estado do Tocantins para discutir assuntos ligados a pesca artesanal no rio. O projeto é coordenado pela Embrapa Pesca e Aquicultura (Palmas-TO) e envolve diversos parceiros, tanto do Tocantins como de outras regiões do país.

Os objetivos deste trabalho de campo foram três, entre eles coletar dados socioeconômicos, especificamente custos fixos e variáveis, e analisar formas de abate e métodos de conservação de pescado utilizados. O terceiro, explica Adriano Prysthon, pesquisador da Embrapa e líder do projeto, “está ligado à intervenção tecnológica nas redes de emalhe. Neste sentido, acompanhar e registrar em detalhes as pescarias é o primeiro passo e é fundamental para planejar, de forma participativa, alguma intervenção que aumente a eficiência da pesca”.

Patrícia Mochiaro, também pesquisadora da Embrapa, esteve mais ligada à parte de abate e conservação de pescado. Segundo ela, “acompanhamos um pescador do início ao final de sua pesca. Podemos observar como os pescadores realizam o abate de seus peixes e como é realizada a conservação durante a pescaria com redes. Vimos toda a dinâmica, os riscos e dividimos conhecimentos”.

Parcerias
Além dos pesquisadores da Embrapa, estiveram nas atividades realizadas em Caseara Thiago Tardivo, da Secretaria da Agricultura e Pecuária (Seagro), Cássia Sobreira, do Instituto de Desenvolvimento Rural do Estado do Tocantins (Ruraltins), e membros da Colônia de Pescadores do município.

Para abril, está marcado seminário quando serão apresentados os resultados do primeiro ano do projeto, que percorreu 14 municípios em 2016, e serão apresentadas e discutidas atividades de pesquisa, extensão rural e políticas públicas para a pesca da região trabalhada até 2019. O evento acontecerá no Parque Estadual do Cantão, que fica no município de Caseara. Dele, devem participar representantes de entidades de pescadores (colônias, associações e aldeias indígenas), além de representantes de instituições envolvidas no projeto.

Embrapa Pesca e Aquicultura

Kalua Barco Hotel


Estimulamos o debate suadável. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Pesca Amadora. Mensagens consideradas ofensivas serão excluidas automaticamente. Dúvidas e perguntas acesse a página de contato