Últimas Notícias

PMA apreende 304 kg de pescado ilegal na regi√£o do Pantanal no MT

Durante fiscalização realizada pela Polícia Militar Ambiental durante esse final de semana, foram apreendidos 304 kg de pescado ilegal na rodovia transpantaneira (MT-060) no município de Poconé (MT).

As primeiras apreens√Ķes de pescado ocorreram nesse domingo (9), quando 94 kg de peixes das esp√©cies: jurupoca, ximbur√©, piraputanga, cachara, pacu, pacupeva, barbado e piranha foram apreendidos.

Na primeira ocorrência, a guarnição da Policia Militar de Proteção Ambiental patrulhamento, após abordar vários veículos, se deparou com uma Fiat Strada, que após abordagem, foi constatado que o referido veículo transportava 43 peças de pescado totalizando 94 kg, acima da cota permitida para pescador amador, especificada por lei ambiental vigente.

Na segunda apreensão, ocorrida também na Rodovia Transpantaneira (MT-060), os policiais abordaram uma caminhonete S-10, no interior do veiculo foram localizadas várias espécie de pescado abaixo da medida, além de sinais de capturas com redes de pesca. Nesta ocorrência foi apreendido um barco e um motor de 90hp.

Os condutores dever√£o pagar multa de R$ 21,8 mil por crime ambiental. Todos foram encaminhados para a delegacia da Pol√≠cia Civil de Pocon√©. A carga apreendida ser√° doada para institui√ß√Ķes de caridade do munic√≠pio.

J√° na madrugada desta segunda-feira (10), militares do n√ļcleo ambiental do Juizado Volante Ambiental (Juvam) apreenderam 210 kg de peixes da esp√©cie Pintado, tamb√©m na Rodovia Transpantaneira no munic√≠pio de Pocon√© (MT).

De acordo com as informa√ß√Ķes, por volta das 02h da manh√£ os policiais abordaram um ve√≠culo Toyota Hilux que estava seguindo sentido Porto Jofre no munic√≠pio de Pocon√©. Ao ser parado foram encontradas na caminhonete, duas caixas t√©rmicas com 16 peixes da esp√©cie pintado.

Os policiais notaram que o peixe estava com marcas de gancho, utilizados na captura. Ao ser questionado sobre as documenta√ß√Ķes exigidas por lei para realizar a pesca, o suspeito disse n√£o possuir carteira de pescador e nem a guia para transporte do pescado.

Sendo assim, os policiais decretaram a pris√£o do condutor e a apreens√£o do pescado. O peixe apreendido foi entregue na Delegacia do meio Ambiente (Dema).


Estimulamos o debate suadável. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Pesca Amadora. Mensagens consideradas ofensivas serão excluidas automaticamente. Dúvidas e perguntas acesse a página de contato