Últimas Notícias

PMA localiza autor de pesca predatória com ajuda de um drone no rio Taquari (MS)

Utilizando um drone, a Polícia Militar Ambiental conseguiu localizar e prender um homem que praticava pesca predatória em local proibido no rio Taquari (MS). O dispositivo aéreo não tripulado ajuda os policiais a visualizar locais de difícil acesso, de forma discreta, sem chamar a atenção de observadores e informantes.

Segundo a PMA, moradores dificultam a fiscalização em certos locais, informando aos infratores quando as equipes saem do quartel ou são vistas transitando em viaturas e botes. Os avisos são feitos por telefone ou, em alguns casos, com fogos de artifício, alertando aos autores de crimes ambientais sobre a chegada da fiscalização.

Já com o drone, foi possível identificar pescadores que estavam em uma corredeira a cerca de 40 km do município de Coxim (MS), em área de acesso restrito denominada Cachoeira das Palmeiras. As imagens mostraram um homem em um bote pescando com fisga (petrecho proibido) e colocando os peixes em uma sacola.

Outras duas pessoas auxiliaram o infrator, mas quando a equipe chegou no local, apenas o homem foi preso, já que as outras duas pessoas não estavam presentes naquele momento. Ele ainda se recusou a entregar o petrecho usado e a sacola com os peixes.

O barco e o motor foram apreendidos e entregues à Polícia Civil de Coxim (MS). Ele foi multado em R$ 1 mil e vai responder por crime ambiental, com pena de um a três anos de detenção. A ação fez parte da Operação Dia do Trabalhador.


Estimulamos o debate suadável. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Pesca Amadora. Mensagens consideradas ofensivas serão excluidas automaticamente. Dúvidas e perguntas acesse a página de contato