Últimas Notícias

PMA flagra caçadores com capirava, 22 redes de pesca e 45 kg de pescado no Rio Paranaíba (MS)

Uma equipe de Policiais Militares Ambientais de Aparecida do Taboado (MS) realizava fiscalização ambiental no Rio Paranaíba, próximo a ponte Alencastro no município de Paranaíba (MS), nessa quarta-feira (6), quando abordou uma embarcação com dois ocupantes.

Com eles, foram encontrados 22 redes de pesca de diversas malhas (petrecho proibido), uma caixa térmica com 45 kg de pescado e ainda um animal abatido da espécie capivara, além de um rifle calibre 22, com cinco munições do mesmo calibre, sem documentação. Todo o material foi apreendido.

Os infratores, de 31 e 41 anos, residentes em Paranaíba (MS), além da caça ilegal, também praticavam pesca predatória, pois utilizavam as redes, além de terem capturado pescado acima da cota permitida e exemplares abaixo da medida estabelecida por lei.

Eles receberam voz de prisão e foram encaminhados, juntamente com o material apreendido, para a delegacia da Polícia Civil de Paranaíba (MS), onde foram autuados em flagrante por crimes ambientais de caça e pesca predatória, além de porte ilegal de arma.

A pena para o porte ilegal de arma é de dois a quatro anos de detenção. Pelo crime ambiental de caça ilegal, a pena é de seis meses a um ano de detenção e pela pesca predatória, a pena é de um a três anos de detenção. Eles também foram autuados administrativamente e multados em um total de R$ 2.300,00 pela caça e pesca ilegais.


Estimulamos o debate amistoso. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Pesca Amadora. Mensagens consideradas ofensivas serão excluidas automaticamente. Dúvidas e perguntas acesse a página de contato