Últimas Notícias

Feirante é detido com frutos do mar em época de pesca proibida no ES

Pescado é apreendido em período de defeso. (Foto: Roberto Martins/ Polícia Ambiental)Um feirante, de 42 anos, foi detido vendendo crustáceos e mariscos em período de defeso, quando a pesca fica proibida para a reprodução dos animais. A Polícia Ambiental informou que o homem estava sem a documentação necessária. A operação aconteceu neste sábado (8), na feira livre do bairro Laranjeiras, na Serra, Grande Vitória, Espírito Santo.

Ao todo, foram encontrados de forma irregular 2 kg de lagosta sapateira, 4 kg de sururu nativo perna perna, 15 kg de camarão sete barbas com casca e sem cabeça, 20 kg de camarão cinza com casca, 22 kg de camarão sete barbas descascados. O pescado apreendido será doado a uma instituição filantrópica cadastrada junto ao Batalhão de Polícia Militar Ambiental (BPMA).

O comerciante, que atua na região há 15 anos, fio conduzido ao Departamento de Polícia Judiciária (DPJ) de Laranjeiras.

Segundo a Pol√≠cia Ambiental, a pesca da lagosta sapateira s√≥ √© permitida para fins cient√≠ficos. O defeso da lagosta que vai de 1 de dezembro a 31 de maio de cada ano. O do camar√£o que vai de 15 de novembro a 15 de janeiro e 1¬ļ de abril a 31 de maio de cada ano respectivamente. O defeso do sururu que vai de 1 de setembro a 31 de dezembro de cada ano.

http://g1.globo.com


Estimulamos o debate suadável. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Pesca Amadora. Mensagens consideradas ofensivas serão excluidas automaticamente. Dúvidas e perguntas acesse a página de contato