Últimas Notícias

Homens são presos acusados de promover pesca predatória em Maceió-AL

Pesca de polvo com agua sanitaria em AlagoasDois homens foram presos em flagrante, nesta segunda-feira, 5, acusados de promover pesca predatória de polvo. A prisão foi efetuada pelo Batalhão de Polícia Ambiental que encaminhou a dupla à Central de Flagrantes, onde terão que explicar o motivo de estarem usando água sanitária na captura do molusco.

Isaías Cunha da Silva, 55 e Gilton Apolinário, 47 anos, não são pescadores. Eles informaram que costumam pescar nas horas de folga e não sabiam que era proibida a pesca do polvo da forma como estavam executando.

Os policiais explicam que apesar de muitos desconhecerem, a utilização de frascos para injetar água sanitária nas tocas onde habitam os moluscos, é muito comum e extremamente nociva a vida marinha.

Para se ter uma ideia, o líquido mata os corais, as algas e tudo o que estiver em volta. Além disso, no local onde é lançada a água sanitária, o polvo não retorna. “Se eu soubesse que a pesca era proibida não teria ido”, desabafou Isaías.

Jornal Alagoas 24 Horas

Kalua Barco Hotel


Estimulamos o debate suadável. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Pesca Amadora. Mensagens consideradas ofensivas serão excluidas automaticamente. Dúvidas e perguntas acesse a página de contato