Últimas Notícias

PMA apreendeu mais de 8 mil metros de redes durante a piracema em TO

Fiscais na Naturantins apreendem mais de 8km de redes durante piracemaDesde o dia 1 de novembro de 2014, o trabalho do Instituto Natureza do Tocantins (Naturatins) se intensificou para garantir a reprodução dos peixes. Um balanço preliminar divulgado pelo Instituto nessa quinta-feira, 26, aponta que foram apreendidos mais de 8 mil metros de redes malhadeiras nos rios e lagos de todo o Estado, entre outros itens utilizados para pesca.

A atuação dos fiscais das 16 unidades regionais busca cobrir todo o Estado com as fiscalizações e resultou na confiscação de diversos itens de pesca como molinetes, varas de bambu, kits para pesca, espingarda, espoletas, gaiolas, pólvora, tarrafas e quase 50 quilos de pescados, que foram doados para instituições filantrópicas. Além disso, também foram resgatados três pássaros.

Em Pedro Afonso, a equipe atuou rio acima até a Barra do Ribeirão São João, percorrendo também o município de Tupirama, Tupiratins e Itapiratins. Na ação, foram recolhidos 880 metros de rede de malhas. Já na capital, Palmas, foram apreendidos 1.580 metros de rede de diversas malhas e cinco quilos de pescado, que foram doados. Desta vez, o ponto de partida da fiscalização foi a colônia de pescadores, percorrendo o sentido do município de Porto Nacional. Nenhum infrator foi identificado.

O chefe de fiscalização do Naturatins, Aldaíres Pacheco, destaca a importância da fiscalização para garantir a reprodução dos peixes. “Estamos coibindo esses crimes. Esse é o período de desova dos peixes e, por lei, a pesca é proibida como forma de garantir que as espécies sejam preservadas”, ressaltou.


Estimulamos o debate amistoso. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Pesca Amadora. Mensagens consideradas ofensivas serão excluidas automaticamente. Dúvidas e perguntas acesse a página de contato