Últimas Notícias

Ibama apreendeu nove barcos e 11 redes de arrasto na costa do Rio de Janeiro

Ibama apreende embarcacoes e redes de arrasto na costa do Rio de JaneiroO Ibama apreendeu nove barcos e 11 redes de arrasto durante o primeiro m√™s de fiscaliza√ß√£o do defeso do camar√£o, que come√ßou dia 01/03 e vai at√© 31/05 na costa do Rio de Janeiro. Nas a√ß√Ķes, o instituto ainda apreendeu 23 portas de arrasto e aplicou R$ 83 mil em multas por pesca predat√≥ria.

Os agentes ambientais autuaram tamb√©m um barco atuneiro que fazia cerco na Ba√≠a de Sepetiba, local proibido para esta modalidade de pesca. Todos os infratores pegos em flagrante foram conduzidos √† Pol√≠cia Federal. Onze acabaram presos e foram liberados ap√≥s pagamento de fian√ßa. Outros tr√™s, donos de embarca√ß√Ķes apreendidas, foram apenas indiciados, pois n√£o estavam presentes no local do crime ambiental no momento da fiscaliza√ß√£o.

O per√≠odo de paralisa√ß√£o da pesca do camar√£o atinge a costa brasileira, da divisa do Esp√≠rito Santo e Rio de Janeiro at√© o Arroio Chu√≠. As a√ß√Ķes de fiscaliza√ß√£o do Ibama continuam at√© o final do defeso, cujo objetivo √© permitir a preserva√ß√£o da esp√©cie e a recupera√ß√£o dos estoques pesqueiros.

Impacto ambiental
A pesca de arrasto motorizado do camar√£o causa grande impacto √† vida marinha. Segundo o Ibama, ela precisa ocorrer de forma controlada para se manter sustent√°vel. ‚ÄúAo arrastar as redes no fundo do mar em busca do camar√£o, v√°rios outros organismos marinhos tamb√©m s√£o capturados como fauna acompanhante e, na maioria das vezes, descartados pelo pouco valor comercial‚ÄĚ, explica o analista ambiental Felipe Bonif√°cio, chefe do Escrit√≥rio do Ibama em Angra dos Reis.

Para cada quilo de camar√£o pescado, estima-se que at√© 20 quilos de outros peixes e organismos sejam capturados. “S√£o esp√©cies que desempenham um papel fundamental no equil√≠brio do ecossistema marinho e que est√£o sendo impactadas pela atividade. A pesca do camar√£o tamb√©m ocorre dentro de ba√≠as, prejudicando estes importantes criadouros naturais”, completa o analista.

Ascom/Ibama-RJ


Estimulamos o debate suadável. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Pesca Amadora. Mensagens consideradas ofensivas serão excluidas automaticamente. Dúvidas e perguntas acesse a página de contato