Últimas Notícias

Instituto de Pesca lança site que mostra atividade pesqueira no estado de SP

Barcos utilizados na pesca de arrastoO Instituto de Pesca, da Ag√™ncia Paulista de Tecnologia dos Agroneg√≥cios (Apta), lan√ßa site in√©dito com informa√ß√Ķes sobre a atividade pesqueira no Estado,¬†essa¬†ferramenta √© ideal para pesquisadores, estudantes, autoridades, cooperativas, armadores e empres√°rios do ramo.

No total, o site traz dados de 15 munic√≠pios paulistas costeiros e pesqueiros, e¬†de esp√©cies encontradas, produ√ß√£o, captura, aparelhos de pesca utilizados e n√ļmero de embarca√ß√Ķes nesses locais.

Para acessar, basta entrar no link¬†www. propesq.pesca.sp.gov.br. As informa√ß√Ķes contidas no site, s√£o registros guardados desde 1998, o que torna um dos maiores acervos de pescas artesanais e industriais do Brasil.

O pesquisador do instituto, Ant√īnio Olinto √Āvila da Silva, diz que o banco permite que diferentes usu√°rios tenham acesso direto aos dados coletados pelo Programa de Monitoramento da Atividade Pesqueira Marinha e Estuarina do instituto. Os dados s√£o √ļteis, por exemplo, para caracterizar a atividade pesqueira marinha no Estado e em seus munic√≠pios, acompanhamento do desempenho, orienta√ß√£o no consumo de peixes e avalia√ß√£o de pol√≠ticas p√ļblicas direcionadas √† atividade.

As informa√ß√Ķes foram obtidas por entrevistas volunt√°rias com mestres de embarca√ß√Ķes e pescadores. Tamb√©m s√£o utilizados autorregistros e consultas a n√ļmeros de descarga e venda de pescado de empresas. S√£o monitorados mais de 200 pontos em cidades da costa paulista.

O plano de monitoramento n√£o di – vulga informa√ß√Ķes que identifiquem pessoas, grupos ou empresas. ‚ÄúEmbora o Instituto de Pesca seja uma institui√ß√£o p√ļblica, os dados individuais fornecidos voluntariamente s√£o sigilosos e respeitados‚ÄĚ, garante Olinto √Āvila.

Al√©m de apoiar os diferentes segmentos do setor, o programa do instituto contribui com pol√≠ticas p√ļblicas necess√°rias ao desenvolvimento da atividade nas esferas municipal, estadual e federal. Anualmente, s√£o realizadas cerca de 80 mil entrevistas com pescadores e mestres de embarca√ß√Ķes que apoiam a iniciativa.

Monitoramento
Barco pesqueiro em Santos-SPNos √ļltimos cinco anos, foram expedidas 2,8 mil declara√ß√Ķes de produ√ß√£o do setor para ajudar pescadores em pedidos de seguro defeso (valor que a pessoa recebe quando determinada pesca ou ca√ßa n√£o √© permitida), de financiamento a institui√ß√Ķes financeiras e de renova√ß√£o de licen√ßa de pesca.

O programa de monitoramento procura dar visibilidade ao setor, demonstrando sua import√Ęncia na gera√ß√£o de renda, alimento e empregos, al√©m de auxiliar nas tomadas de decis√£o. Os dados gerados pelo programa tamb√©m permitem a identifica√ß√£o dos territ√≥rios pesqueiros das diferentes frotas e de seus padr√Ķes de utiliza√ß√£o do ambiente, d√£o subs√≠dios √† gest√£o de conflitos no setor e ainda s√£o empregados na avalia√ß√£o da explora√ß√£o dos estoques marinhos.

Instituto de Pesca – SP


Estimulamos o debate suadável. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Pesca Amadora. Mensagens consideradas ofensivas serão excluidas automaticamente. Dúvidas e perguntas acesse a página de contato