Últimas Notícias

Pesca com “puça” durante desova da piracema no Rio Guaporé viraliza

Um vídeo onde um homem aparece em um barco a remo, capturando dezenas de curimbas com um puça (rede utilizada para retirar peixes), tem repercutido nas redes sociais no início dessa semana.

O vídeo que foi gravado por um dos ocupantes,  mostra um rapaz retirando inúmeros exemplares sem se preocupar com o tamanho e jogando para dentro da canoa que já estava com dezenas de peixes. A ação do grupo tem repercutido em grupos de whatsapp e facebook  e divergido opiniões de pescadores porque o que parece ser uma farta pescaria, na verdade, seria pesca predatória no período de piracema.

Nas imagens é possível ver que os peixes estão em grupos possivelmente acasalando para o momento da desova.

Em novembro/2016, a Polícia Ambiental do Mato Grtosso do Sul divulgou um vídeo mostrando o comportamento dos peixes durante o período de desova e a facilidade devido a vulnerabilidade do acasalamento dos peixes nesse período com ações idênticas ao que se vê no vídeo feito pelo grupo. Caso seja comprovado que a ação do grupo foi realizada durante o período de defeso da piracema, ambos podem ser punidos pela prática ilegal.

Páginas no facebook e grupos de Whatsapp tem compartilhado o vídeo na tentativa de identificar os prováveis infratores que teriam feito o vídeo no Rio Guaporé no município de São Miguel do Guaporé (RO).

ASSISTA O VÍDEO

Crime Ambiental
A captura de espécies nativas durante o período de defeso da piracema, momento em que os peixes se reproduzem é considerado crime ambiental onde o infrator está passível de multa que varia de R$ 100,00 a R$ 100.000,00 mais pena que varia de 1 ano a 3 anos de reclusão.


Estimulamos o debate amistoso. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Pesca Amadora. Mensagens consideradas ofensivas serão excluidas automaticamente. Dúvidas e perguntas acesse a página de contato