Últimas Notícias

PMA e Sema apreendem materiais de pesca predatória durante operação no Araguaia em MT

Uma operação realizada pelo Grupamento de Polícia Ambiental do Comando Regional 5 da Polícia Militar em parceria com a secretaria estadual de Meio Ambiente (Sema) resultou na apreensão de armas e vários materiais utilizados para a caça e pesca predatória no rio Araguaia. A ação teve início em 23 de fevereiro e encerrada no início da noite deste domingo (4).

Segundo a PM, foram fiscalizados acampamentos localizados às margens do Araguaia e apreendidos um número recorde de materiais predatórios, sendo 140 redes (12 para a captura de peixes da espécie filhote), 76 tarrafas, 58 pindões, 169 armadilhas para tartarugas, seis barcos, quatro motores de popa, 13 armas de fogo de diversos calibres (espingardas e trabuco) e 233 munições. Na operação foram apreendidas ainda sete tartarugas vivas.

Além dos apetrechos proibidos, os PMs e fiscais conduziram três pessoas, que não tiveram a identidade revelada, à central de ocorrências da Polícia Militar, em Barra do Garças (MT), para a autuação pela prática de crime ambiental.

De acordo com o comandante regional da PM, tenente-coronel Isac Prado, a operação teve como objetivo combater a pesca e a caça predatória que, mesmo com a intensa fiscalização realizada pelos órgãos ambientais, continuam sendo praticadas nos rios da região.

“A Polícia Militar por meio do Grupamento Ambiental tem auxiliado a Sema nas ações para coibir a prática desse tipo de crime e o resultado tem sido positivo.”


Estimulamos o debate amistoso. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Pesca Amadora. Mensagens consideradas ofensivas serão excluidas automaticamente. Dúvidas e perguntas acesse a página de contato