Últimas Notícias

PMA apreende veículo e petrechos usados em pesca ilegal em MS

apreensao pma pesca predatoria em msPoliciais Militares Ambientais do Posto Avançado da Cachoeira do Sossego, em Rochedo (MS) fiscalizavam corredeiras localizadas próximas à cidade ontem à às 20h00 e localizaram um veículo VW Saveiro estacionado às margens do rio, que estava trancado. Na carroceria do carro, a PMA encontrou uma tarrafa (petrecho proibido) e um exemplar de pintado fresco, ou seja capturado há pouco tempo, medindo 75 centímetros, também abaixo da medida de permitida pela legislação.

Uma hora mais tarde, às 9h00, apareceu o proprietário do veículo, que afirmou ter trocado de veículo com o seu sobrinho e desconhecia a origem da tarrafa e do pescado. Ele afirmou que as chaves do veículo estaria extraviada. Foi chamado um chaveiro, que abriu o veículo e dentro deste, foram encontrados os documentos do sobrinho do proprietário, o qual, segundo o tio estaria praticando a pescaria ilegal e fugira na mata quando da aproximação dos policiais.

O veículo e os petrechos foram encaminhados à delegacia de Polícia Civil de Rochedo, para a responsabilização do infrator fugitivo por crime ambiental de pescar durante a piracema, com petrechos proibidos e capturar pescado fora da medida permitida pela legislação. Se condenado pelo crime ambiental poderá pegar pena de um a três anos de detenção. Ele também será multado administrativamente assim que localizado. A multa prevista para a infração de pesca predatória é de R$ 700,00 a R$ 100.000,00 mais R$ 20,00 por quilo do pescado ilegal.

A região de Rochedo, que tem o rio Aquidauana, bastante piscoso, é preocupante com relação à pesca predatória. Por este motivo, o Posto Avançado da Cachoeira do Sossego, criado inicialmente para funcionar somente durante o período de piracema, há quatro anos tem permanecido ativado durante todo o ano.

Em fiscaliza√ß√£o fluvial noturna, os pescadores t√™m facilidades de fugir da fiscaliza√ß√£o. Isto aconteceu na noite de ontem neste caso, e hoje de madrugada, quando tr√™s fugiram da PMA de Corumb√° pelas margens do rio Paraguai no Pantanal. Entretanto, reafirma a import√Ęncia da intensifica√ß√£o da fiscaliza√ß√£o neste per√≠odo de piracema. Os elementos at√© conseguem fugir, mas n√£o conseguem capturar grandes quantidades de pescado, que √© o objetivo da fiscaliza√ß√£o. Ou seja, evitar que os cardumes sejam depredados. Como os infratores normalmente agem √† noite, exatamente pela facilidade de fuga, os policiais mant√™m a operacionaliza√ß√£o da fiscaliza√ß√£o mais intensificada neste per√≠odo.


Estimulamos o debate amistoso. Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do Portal Pesca Amadora. Mensagens consideradas ofensivas serão excluidas automaticamente. Dúvidas e perguntas acesse a página de contato